10/03/2005 – O QUE É A NR17
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

10/03/2005 – O QUE É A NR17

Este artigo será complementado com uma explanação completa da NR17 e dos Anexos I e II

A CMQV  está estruturando esse compêndio para auxiliar a todos no combate a essa terrível EPIDEMIA DO SÉCULO – A LER/DORT. O coordenador do nosso departamento de Ergonomia, engenheiro Osny  está elaborando essa matéria com os demais memmbros da equipe. Aguarde!

 
A NR-17 é uma norma que especifica quais são as condições mínimas de conforto físico e mental que uma empresa de telemakerting deve oferecer para não prejudicar a saúde do tele-operador.

O governo se viu obrigado a criar a NR-17 à medida que os casos cada vez mais absurdos de abusos e assédio ao operador de telemarketing vinham à tona na sociedade. Como estes postos de trabalho precarizados são usados pelo governo como campanha de geração de empregos, a NR-17 foi uma tentativa do governo de dizer a sociedade que algo estava sendo feito. 
E para criá-la foi formada uma comissão pelo governo, empresas e sindicatos. A união desses 3 velhos amigos não podia dar em outra coisa. Quem saiu perdendo foi o operador.

Pois apesar da NR-17 tratar de várias questões como monitoria das ligações, assédio moral, utilização de scripts de atendimento, pausas a lei ficou só no papel . Quer dizer ficou no papel a parte que nos beneficia, pois agora temos que trabalhar 20 minutos a mais por dia.

Por isso apesar dos sindicatos de telemarketing tentarem enganar o tele-operador dizendo que a NR-17 é uma grande vitória, no nosso dia-a-dia estamos cientes que nada mudou.

O nosso movimento reivindica que a NR-17 seja imediatamente cumprida pelas empresas, mas isso não é suficiente. É preciso que seja garantido um salário digno, que as empresas sejam impedidas de contratar e demitir a revelia e nossa jornada de trabalho seja reduzida.

Fazemos um chamado a todos os operadores a se juntar em nosso movimento independente das empresas e do governo, pois só nossa união e mobilização é que poderá mudar esse quadro.

Pegue e leia o texto completo na sessão de downloads. Reivindique seus direitos se a norma não estiver sendo cumprida!!

Conheça alguns pontos mais importantes da NR-17:

5.2. O contingente de operadores deve ser dimensionado às demandas da produção no sentido de não gerar sobrecarga habitual ao trabalhador.

5.13. É vedada a utilização de métodos que causem assédio moral, medo ouconstrangimento, tais como:

a) estímulo abusivo à competição entre trabalhadores ou grupos/equipes de trabalho;

b) exigência de que os trabalhadores usem, de forma permanente ou temporária,adereços, acessórios, fantasias e vestimentas com o objetivo de punição, promoção epropaganda;

c) exposição pública das avaliações de desempenho dos operadores.

5.14. Com a finalidade de reduzir o estresse dos operadores, devem ser minimizados os conflitos e ambigüidades de papéis nas tarefas a executar, estabelecendo-se claramenteas diretrizes quanto a ordens e instruções de diversos níveis hierárquicos, autonomia pararesolução de problemas, autorização para transferência de chamadas e consultas necessárias a colegas e supervisores.

reportagem: http://www.tonaluta.org/index.php?option=com_content&view=article&id=10:entenda-a-nr-17&catid=2:to-na-luta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *