25/04/2014 – HACCP – HAZARD ANALYSIS AND CRITICAL CONTROL POINTS

Hazard Analysis and Critical Control Points ou  HACCP

 

O que é a HACCP –  Como e porque implantar o HACCP (APPCC)

 

O conceito da Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle (APPCC) é uma abordagem sistemática para garantir a segurança do PRODUTO. O método a ser utilizado é baseado em vários princípios diferentes de detecção direta ou indireta de contaminação. O objetivo é controlar a segurança do produto analisando os perigos em potencial, planejando o sistema para evitar problemas, envolvendo os operadores em tomada de decisão e registro das ocorrências. O conceito da HACCP (APPCC) deveria ser aplicado em conjunto com as Boas Práticas de Fabricação.

 

A implantação do HACCP (APPCC ) na Indústria ou no processo e que tipo de contaminação é o ponto vulnerável (crítico) neste produto é fundamental para o desempenho da empresa. Existem diversos problemas iniciais na implementação do HACCP, contudo benefícios tangíveis podem ser alcançados a partir da redução das reclamações do consumidor.

 

O QUE É PONTO CRÍTICO – Ponto Crítico de Controle (PCC) – Ponto, procedimento, operação ou etapa no qual o controle deve ser aplicado, sendo essencial para prevenir, reduzir a níveis aceitáveis ou eliminar um perigo, relacionado com a inocuidade dos produto.

 

O que é HACCP

 

A HACCP (Hazard Analysis and Critical Control Points) ou APPCC é a sigla para análise de perigos e pontos críticos de controle, um sistema baseado numa forma sistemática de identificar e analisar os perigos associados com a produção e definir maneiras para controlá-los.

 

 

 

ISO 9000 e HACCP

 

Existe a freqüente confusão de que a ISO 9000 garante 100% de produtos de primeira qualidade. É preciso notar que o certificado ISO 9000 não garante a qualidade do produto, a ISO 9000 garante que a empresa possui um sistema de garantia da qualidade capaz de produzir produtos compatíveis com as especificações desejadas ou seja, a empresa tem QUALIDADE DE PROCEDIMENTOS. Confunde-se muito este tipo de certificação com certificação de produto, estabelecendo-se uma relação direta entre ela e a qualidade final do produto..

 

A ISO 9000 serve de suporte para a implementação da HACCP e, juntos, são fundamentais para promover o sucesso da indústria de alimentos, pois suas recomendações se complementam. A HACCP é utilizada para identificar os PCCs, enquanto a ISO 9000 é usada para controlar e monitorar aspectos críticos para a qualidade.

 

A HACCP é focada somente no que é crítico para garantir um produto seguro, livre de contaminações físicas, químicas e microbiológicas, que possam causar doenças ou danos ao consumidor.

 

Um dos grandes problemas dos sistemas HACCP e ISO 9000 é o excesso de documentação, logo é importante ressaltar que somente se deve documentar o que é importante para a qualidade, a segurança do produto e a satisfação do consumidor, além de manter sempre atualizada essa documentação. Importante – deve ser uma documentação ATIVA, ou seja, documentos que todos entendam para que servem e como devem ser utilizados não sendo, apenas, documentos que ficam passivamente nas gavetas. A inclusão da HACCP como apoio ao sistema de qualidade da norma ISO 9000 é uma boa opção para as indústrias. A HACCP pode ser incorporada ao sistema ISO 9000 e certificada como parte dele.

 

Importância real da implantação da HACCP –

 

O HACCP permite oferecer um produto de QUALIDADE á população.

 

Costumamos dizer que a real importância dessa implantação está muito além da exposição.

 

A real necessidade, independente de qualquer exigência mercadológica é focada na a qualidade final real e objetiva do produto ou seja, o produto correto, oferecido da forma correta, sem RISCOS, quaisquer que sejam eles.

 

Mais uma vez lembramos que não estamos dizendo que o produto seja “bom para a população”. Estamos dizendo que está em condições de qualidade, SEM RISCOS DE CONTAMINAÇÕES.

 

Resumindo – O HACCP assegura um produto sem “contaminantes”.

 

Sabemos que, por maior que sejam os cuidados no decorrer do processo de produção, todas as indústrias das ciências da vida estão sujeitas a fabricar lotes contaminados.

 

Para diminuir a possibilidade de comercialização de produtos sem a qualidade exigida colocando em risco a saúde da população e, ainda, a obrigatoriedade consequente de recall (recolhimento), as empresas investem na qualificação de seus departamentos de controle e garantia da qualidade.

 

A implementação de um Controle de Qualidade através de um Sistema da Qualidade bem estruturado, operacional e consciente é a principal medida para evitar os desvios. Este sistema deverá garantir que todas as etapas necessárias durante o processo de fabricação e embalagem, e também durante a limpeza dos equipamentos e áreas, sejam realizadas com o máximo de precisão, e que sejam seguidos rigorosamente todos os procedimentos descritos.

 

O Sistema da Qualidade implementado deverá ter mecanismos que diminuam ao máximo a possibilidade de erros e a dependência da ação e atenção dos colaboradores para se evitar estes erros. A implantação do HACCP trabalha em conjunto com o sistema de Qualidade.

 

Alguns procedimentos de auxiliam na implantação do HACCP

 

Os sistemas informatizados nos processos e equipamentos, que fazem a verificação contínua de possíveis inconsistências e desvios e, muitas vezes, determinam os parâmetros de processo, reduzindo significativamente a possibilidade de erros,

 

A instalação, nos equipamentos de embalagem, de sensores e dispositivos que avaliam 100% das unidades produzidas, descartando eventuais amostras com contaminações cruzadas.

 

A instalação da Análise Contínua de Registros ou seja, o registro de todas as etapas do processo produtivo, com a impressão de dados gerados pelos equipamentos e sistemas e a contabilização das quantidades dos materiais em cada etapa, possibilita a detecção de eventuais desvios ou riscos de contaminações cruzadas, antes da liberação final do produto.

 

Cumprimento rigoroso de POPs

 

Instalações adequadas

 

Pessoas capacitadas

 

Metodologias validadas – processos analíticos e produtivos

 

Nossa consideração – Consideramos três pontos importantes na implantação da HACCP

 

1- A Análise de Risco por linha de Produção para correta análise, definição, ações de mitigação ou eliminação do risco. É importante é realizar uma análise de risco por linha de produção e assim definir ações de mitigação ou eliminação do risco.

 

2- A Análise do Risco deve ser “presencial” com a presença do consultor e de representantes da qualidade dentro da área de produção, no chão de fábrica, para auxiliar na identificação dos pontos críticos e também na antecipação de possíveis desvios.

 

3- Implantação da Biblioteca técnica – legal – a empresa deve providenciar uma completa coletânea sobre todas as legislações Vigentes de acordo com a especificação do “produto”, exemplo – Instrução Normativa N° 13, de 03.10.03 – Regulamento de Boas Práticas de Fabricação de Produtos de Uso Veterinário

 

Metodologia para implantação do HACCP

 

A metodologia HACCP rastreia todas as possíveis variáveis de perigos e conjugações que possam gerar riscos. O plano HACCP só é efetivo se todas as variáveis de GMP, POPs e protocolos são rigorosamente cumpridos.

 

A aplicação junto à fábrica – seja de alimentos, embalagens, fármacos ou cosméticos – das várias Ferramentas de Qualidade, é considerada estratégia importantes nessa prevenção contínua.

 

Nossa equipe de consultoria ainda vai além desse quesitos. Costumamos agregar a esses parâmetros os indicadores de SST para fecharmos o ciclo produtivo integrado homem x maquina. Essa especificação e esse POP não consta de nenhum dos manuais de procedimentos. Trata-se de um estudo agregado realizado pela nossa consultoria, altamente experiente em áreas transversais – saúde x engenharia x meio ambiente x segurança . São os procedimentos da Análise Integrada de Riscos. Essas observações foram catalogadas e observadas durante os mais de 20 anos de experiências multiprofissionais e multissetorias.

 

A CMQV está desenvolvendo o softeware específico para a gestão do HACCP. Esse material estará disponível em breve.

 

Para maiores esclarecimentos, entre em contato com nosso departamento técnico

 

contato e informações – projetos@cmqv.org

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.