Escola Estadual Profa. Ana Cândida de Barros Molina se prepara para o #retornoseguro às aulas presenciais.
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Escola Estadual Profa. Ana Cândida de Barros Molina se prepara para o #retornoseguro às aulas presenciais.

A Escola estadual Profa. Ana Candida de Barros Molina, de São José dos Campos está implantado e implementando o projeto #retornoseguro às aulas presenciais e à vida.

O projeto envolve desde testagem e acompanhamento das condições de saúde frente à COVID19 de colaboradores até implantação de protocolos nas áreas comuns, procedimentos de limpeza e higienização, EPIs e esquemas de ventilação tornando o ambiente mais seguro e saudável além do treinamento especial de biossegurança para toda a comunidade escolar (professores, funcionários, pais e alunos).

Sempre atendo e preocupado com seus alunos de forma espetacular, o Professor Taciano, diretor da escola, está empenhando de corpo e alma nesse novo desafio: Segurança de seus alunos e de seus colaboradores na retomada das atividades presenciais.

Seguindo os protocolos do MEC, do governo do estado e da Prefeitura de São José dos Campos, a escola coloca em prática todas as diretrizes essenciais para um retorno seguro, apoiada e orientada pela coordenação sanitária da CMQV.

“Proteger vidas, cuidar dos nossos estudantes e profissionais são as coisas mais importantes que precisamos fazer nesse tempo de pandemia. Essa tem que ser a premissa fundamental que tem nos guiado e vai continuar nos guiando”, declarou o secretário de Estado da Educação, Rossieli Soares. Declaração apoiada e reiterada pelo diretor.

Segundo pesquisa Datafolha, 75% dos estudantes das escolas estaduais de São Paulo declararam que estão tristes, ansiosos ou irritados “Alguns estudos tem  apontados riscos para saúde mental dos estudantes com longos períodos de isolamento devido à pandemia e ao fechamento das escolas e esse é um risco que não podemos correr”, declara a gestora de biossegurança e coordenadora sanitária da CMQV, a farmacêutica Dra. Célia Wada.

O projeto #retorno seguro é composto por 3 módulos: O protocolo #retorno é subdividido em 3 módulos

  • Modulo pessoal
  • Módulo Ambiental e coletivo
  • Treinamentos

O primeiro módulo – #riscocovid, tem o objetivo de testar os colaboradores da escola (professores e funcionários). Serão realizados o protocolo #riscocovid que mapeia as condições utilizadas nos testes para pesquisa do vírus e dos anticorpos. Após a etapa de testagem, os colaboradores serão classificados e saberão, exatamente a sua situação frente o risco do vírus. Antes dos testes será realizada capacitação com explicações sobre o procedimento e resultados. Esse protocolo envolve desde o entendimento dos exames que estão sendo feitos, até a interpretação de resultados, identificação de grupos de riscos e a criação de protocolos médicos para afastamento e retorno ao trabalho.

O segundo módulo fará uma completa gestão do risco biológico com foco no agente SARs- CoV2 – COVID 19 com as orientações de prevenção para que os professores, funcionários e alunos que retornarem estejam preparados para seguir o protocolo #retornoseguro. Também, para prevenir que os participantes da cadeia operacional não sejam transmissores do vírus (orientações gerais de biossegurança coletiva, higiene direcionada), orientar a escola nos procedimentos de higienização pessoal disponível em conformidade legal (orientação e padronização de produtos e ações), orientar a empresa na manutenção dos procedimentos de higienização local permanente (orientação dos procedimentos com produtos a serem executados), orientar a escola nos procedimentos operacionais com EPI (equipamentos de proteção individual) e EPC (equipamentos de proteção coletiva) disponíveis de acordo com o processo (orientação dos os equipamentos disponíveis, obrigatórios e complementares), orientar a equipe na montagem do plano de emergência – controle de alerta de saúde “sentinela” (orientação e montagem que podem ser em conjunto com as equipes de SST da empresa)

O terceiro módulo consta de treinamentos básicos de biossegurança para os profissionais e para os alunos.

Após a análise completa dos riscos, será montado o Manual de Biossegurança da Escola Estadual Profa. Cândida de Barros Molina com todas as suas particularidades.

Após a implementação de todas as ações contidas no manual, a CMQV outorgará o Certificado de Biossegurança #retornoseguro à escola, em nome de seu diretor.

A CMQV conhece a preocupação atual dos pais em relação à segurança de seus filhos na volta às escolas e conhece a preocupação e o comprometimento do diretor Taciano para com seus alunos.

O projeto aborda diferentes aspectos que vão desde estabelecimento de orientações baseadas no conhecimento médico do multidisciplinar da CMQV e do conhecimento pedagógico do diretor, professor Taciano, até definição de protocolos ambientais para as diferentes atividades e espaços que a escola oferece.

Tanto os protocolos laboratoriais (testes) quanto os protocolos de biossegurança para o ambiente saudável seguem diretrizes das sociedades médicas nacionais e internacionais e estão em linha com as orientações preconizadas pelo Governo Federal (MEC),  Governo do Estado de São Paulo e Prefeitura Municipal de São José dos Campos para um retorno seguro dos alunos e de todos os envolvidos na atividade.

O objetivo desse projeto é que a Escola Estadual Profa. Cândida de Barros Molina retorne suas atividades de forma segura e saudável, garantindo tranquilidade para todos os alunos e colaboradores se tornando referência em “biossegurança”. Além disso, o presente projeto será fundamental para o desenvolvimento de projetos educacionais envolvendo biossegurança, saúde e prevenção, pelos professores durante as aulas.

Apoiados, orientados e incentivados plenamente pelo diretor, professor Taciano, a CMQV tem a certeza de que criará potenciais multiplicadores de biossegurança. “com certeza os alunos serão os maiores multiplicadores dessas normas tão fundamentais hoje e sempre!” completa a coordenadora Dra. Célia Wada.

A CMQV se sente honrada pela participação nesse projeto!

CMQV- imprensa

https://www.facebook.com/anacandidabarrosmolina/

protocolo #retornoseguro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!