PLACAS DE PETRI – DR. JULIUS RICHARD PETRI
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

PLACAS DE PETRI – DR. JULIUS RICHARD PETRI

Nós bacteriologistas que tanto utilizamos as Placas de Petri sem as quais não imaginamos ser possível trabalharmos, prestamos nossa homehagem ao seu inventor Julius Richard Petri

 

Usada até hoje em laboratórios de todo mundo, a placa é um recipiente de vidro ou plástico que é usado para cultivar micro-organismos. No logotipo animado, são mostradas seis placas de Petri, cada uma com uma cultura de bactérias diferente.

 

O bacteriologista nasceu em Barmen, na Alemanha em 31 de maio de 1853 e estudou medicina na Kaiser-Wilhelm-Academia para Médicos Militares (entre 1871 e 1875), recebendo o diploma de medicina em 1876. Ele continuou os estudos no Hospital Charité em Berlim e serviu como médico militar até 1882, continuando como reservista posteriormente.

 

No período compreendido entre 1877 e 1879, Petri foi trabalhar para o Gabinete Imperial de Saúde em Berlim e se tornou assistente de Robert Koch. Ele inventou a chamada placa de Petri para poder fazer os trabalhos com cultura de bactérias em placa do laboratório de Koch. Com a invenção e os trabalhos feitos foi possível desenvolver a técnica de cultura em ágar para purificar ou clonar colônias de bactérias derivadas de uma única célula e graças a este avanço, foi possível identificar com rigor bactérias responsáveis por certas doenças.

 

Célia Wada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *