Você, minha amiga…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Você, minha amiga…

Neste espaço de reflexão, sempre trazemos alguma mensagem que realmente, nos faça pensar, refletir e sentir…

Hoje, trouxemos este texto sobre AMIGAS

“No final de uma palestra sobre saúde na Universidade de Stanford o palestrante apontou, entre outras coisas, que os estudos mostram que uma das melhores coisas que um homem pode fazer por sua saúde é se casar: o casamento aumenta a longevidade e o bem-estar pessoal do homem.

Questionado sobre a saúde da mulher, o palestrante apontou um dado surpreendente: ao invés do casamento a mulher precisa cultivar seus relacionamentos com as AMIGAS!

Essa declaração provocou risos na platéia, mas o professor fundamentou o fato muito à sério.

Os estudos realizados mostram que as mulheres se conectam de maneira diferente dos homens e fornecem outros sistemas de apoio que as ajudam a lidar com experiências estressantes e difíceis em suas vidas.

“Tempo com Amigas” é muito significativo no nível fisiológico: ajuda a produzir mais serotonina (neurotransmissor) que auxilia no combate à depressão e cria um sentimento geral de bem-estar. As mulheres tendem a compartilhar seus sentimentos, enquanto os homens geralmente se conectam em torno de tarefas. Eles raramente se sentam com um amigo falando sobre como se sentem sobre algo, ou como está sua vida pessoal. Falam de trabalho, esportes, carros, mulheres, etc. mas dos seus sentimentos, raramente…

As mulheres fazem isso o tempo todo. Elas compartilham sentimentos e emoções das profundezas de suas almas com suas amigas, e parece que isso realmente contribui para a sua própria saúde.

O conferencista acrescentou, ressaltando que o “tempo gasto” com amigas é tão importante para a saúde das mulheres como correr ou fazer ginástica.

De fato, há uma tendência (errônea) de pensar que quando nos envolvemos com alguma atividade física estamos fazendo algo de bom para o nosso corpo, enquanto que quando conversamos com as nossas amigas, “desperdiçamos” o tempo em vez de fazer algo mais produtivo.

O orador salientou que não manter relacionamentos de qualidade com outras pessoas prejudica a nossa saúde física tanto quanto o fumo!

Portanto, cada vez que nós (as mulheres, é claro) sentamos para conversar com uma amiga estamos fazendo algo muito benéfico para a nossa saúde.

Então… “Tim-Tim” ao café, chá, suco, etc. com as amigas!…

Aqui vai nossa complementação ao texto:

Temos total certeza da veracidade desse texto.

Temos relato de amigas inseparáveis que cresceram juntas, estudaram, casaram, criaram seus filhos, seus netos, perderam muitos parentes, perderam seus maridos mas, quando uma delas partiu, a vida dessa amiga ficou vazia…e logo, ela também partiu…

Existem amigas que quase não se veem mas quando se encontram é como se estivessem o tempo todo juntas…

Existem amigas que se falam todos os dias, outras quase nunca mas todas sabem que tem alguém com quem REALMENTE podem “falar” pois esse alguém via “ouvir” sem questionar, ensinar, culpar ou criticar. Essa amiga vai comemorar junto ou mesmo chorar junto…

Um dia todos nós amigos iremos nos separar, de uma forma ou de outra.

Sentiremos saudade e quem sabe, até, sentiremos medo mas nunca deixaremos de sentir a presença do amigo em nossos corações.

O amigo é como uma estrela, nem sempre a vemos mas temos certeza que ela está lá no céu!

Você já parou para pensar em quem realmente você tem de amiga?

Que a Vida e os amigos nos ensinem a cuidarmos uns dos outros, cada vez mais e sempre!

Lele e Isaura, 89 anos de amizade que, com certeza, continua lá no céu...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *